canga atoalhada

Tutorial: canga atoalhada

A mais nova tendência desse verão é a canga atoalhada. Uma peça prática para quem vai passar os dias de verão na praia ou a beira da piscina. A melhor parte é que essa peça é muito simples de fazer, sendo assim, você pode produzir a sua de acordo com o seu gosto!

Vamos aprender?

Os materiais para a execução da canga atoalhada são muito simples e fáceis de encontrar, você vai precisar de:

  • Uma toalha de banho de preferência sem estampa, vale também um tecido atoalhado (grande o suficiente para dar a volta em sua cintura)
  • Viscose, estampada  (a quantidade necessária para unir-se a toalha)
  • Pompom, que você encontra aqui na Oeste Aviamentos  (o suficiente para dar a volta na sua canga)
  • Tesoura
  • Linha
  • Agulha
O passo a passo da canga atoalhada:

Estenda o lado avesso da sua toalha sobre uma superfície plana, sobre ela a viscose, com o lado direito voltado para a parte de cima, ou seja, avesso com avesso, alfinete ambos os tecido. Esse procedimento facilitará o manuseio na hora da costura.

Agora, alinhave o Pompom, aproveitando para fazer o acabamento da viscose, vire a margem de costura para dentro, assim você garante que o tecido não desfie.

Após todo o entorno da canga estar alinhavado, passe uma costura simples. Você também pode dar acabamento com o ponto palito, deixando sua peça com um charme a mais.

Dicas:

Você pode passar sua viscose na máquina overloque ou zigue-zague, esse acabamento fortalecerá a margem de costura do tecido, dando maior garantia de que o mesmo não desfie e assim se desprenda da toalha.

Por ser uma peça de costura simples, caso você tenha prática, pode costurá-la inteira a mão. Uma boa costura feita a mão dificilmente se desfará.  

Agora com o nosso passo a passo, você já pode fazer sua canga atoalhada para aproveitar o verão!

E não se esqueça, aqui na Oeste Aviamentos você encontra todos os acabamentos que deixarão suas criações ainda mais bonitas.

Costura Francesa e Costura Inglesa: qual é a diferença

Costura Francesa e Costura Inglesa: qual é a diferença?

Além do overloque, existem outros tipos de costuras para finalização das margens de costura e acabamento das peças. Elas são a Costura Inglesa, também conhecida como costura rebatida e a Costura Francesa.

Costura Inglesa

A Costura Inglesa, é comumente utilizada na confecção de camisas e se caracteriza por ser uma costura pespontada, ou seja, é um método em que a costura, no caso, o pesponto fica aparente, dando charme ao acabamento.

Neste tipo de acabamento, uma margem de costura deve ser maior que a outra, a barra maior é posicionada e fixada sobre a menor, virando-se sobre a menor, formando assim, uma pequena barra, que deve ser pespontada, prendendo assim a margem de costura a peça.

Costura Francesa

Já a Costura Francesa é uma costura embutida, muito utilizada em tecidos finos, sendo assim o acabamento ideal para roupas de festa e peças mais especiais. Quanto mais fina a costura melhor e mais delicado torna-se o acabamento.

Po isso, recomenda-se o uso de 1cm de margem, unindo as margens de costura pelo avesso. Por ser uma costura delicada, alinhave e costure a peça a  0,5 cm  da borda. Abra e feche a costura no ferro, isso impede o surgimento de franzidos na peça.

Agora é só virar o tecido, costurando direito com direito e costure mais uma vez, 0,5 cm deixando a primeira margem embutida dentro da segunda.

Agora que você já conhece as principais diferenças na confecção e acabamento da Costura Inglesa e Costura Francesa,  já pode aplicá-las às suas criações!

Não se esqueça que na Oeste Aviamentos, você encontra os melhores acabamentos para as suas criações.

Ilhós com arruela: como aplicar

Ilhós com arruela: como aplicar?

A arruela, são complementos dos ilhós de metal, ela é responsável por dar sustentação e acabamento à aplicação do ilhós, já que a  peça em que esse componente será fixado deve ser perfurada.

Aqui na Oeste Aviamentos, você encontra diversos tipos de ilhoses e o uso da arruela, depende da função do ilhós. Nos casos em que o ele é apenas decorativo ou se a peça possui forração que cubra a parte de trás do ilhós, o uso da arruela é dispensado. No entanto, se o ilhós for a passagem de um cordão ou fios para amarração, por exemplo, o uso da arruela é indispensável.

Confira como aplicar seu ilhós com arruela

Para a aplicação do ilhós com arruela, o mais indicado é o uso do balancim, um instrumento de pressão, que se adapta ao tamanho de cada tipo de ilhós, através da troca das matrizes de pressão. Esse equipamento possui uma mecânica bastante simples, sendo composto por uma alavanca e o espaço para fixação das matrizes de pressão.

Para aplicar seu ilhós, você precisa da matriz exata do tamanho do ilhós, além do tecido perfurado previamente, essa perfuração também deve ter o exato tamanho do ilhós com arruela que será fixado.  Após encaixar no balancim às matrizes superior e inferior, posicione o ilhós na matriz inferior, dispondo o tecido sobre ele, encaixe a arruela sobre o tecido e com a matriz superior, aplique a pressão através da alavanca.

Pronto, você já tem o  ilhós com arruela fixado a sua peça!

Na Oeste Aviamentos, além de encontrar o ilhós com arruela de todos os tamanhos, você também encontra a matriz exata para o ilhós que você escolheu.

cortina com ilhós

Como customizar a cortina com ilhós?

Já imaginou se você mesma se tornasse a responsável pela customização de uma cortina com ilhós? Pois é. Para aprender, confira a seguir um tutorial de DIY com um passo a passo para realizar a customização de cortina com ilhós.

Antes de tudo, para realizar a customização você vai precisar de:

PS: Os ilhós de cortina vem em duas partes para serem encaixados e são encontrados aqui na Oeste Aviamentos, lembre-se de comprar o ilhós levando-se em consideração o tamanho do varão de cortina que você já possui em casa.

Para começar a customizar, abra a cortina. Na parte superior, coloque todos os ilhós lado a lado para ter ideia de quantos serão utilizados (sem esquecer de considerar o espaçamento entre eles).

Uma dica para não errar no espaçamento é colocar um ilhós em cada ponta antes de adicionar aqueles que deverão ficar no meio. Em seguida, dobre a cortina ao meio e no espaço indicado para cada ilhós, corte com uma tesoura uma pequena abertura para encaixá-los a seguir.

Isso feito, pegue o ilhós e encaixe-o dentro do buraco. Comece com a parte maior, colocando o tecido em volta do corte. Depois, basta encaixar a parte menor do ilhós do outro lado e está pronto.

Repita o procedimento com os outros ilhós até o final e pronto, sua cortina com ilhós customizada está com o acabamento impecável.

Obs: você pode utilizar cortinas de qualquer tecido (mesmo os que desfiam).

Fácil, prático, barato e muito mais bonito para a sala de estar, quarto ou até mesmo para o seu empreendimento, não é mesmo?

aviamentos para lingerie

Os melhores aviamentos para lingerie

A confecção de lingeries exige a utilização de determinados materiais e/ou aviamentos para que realmente agrade a clientela. Também é graças à matéria prima que as peças se tornam não só estilosas, como também confortáveis e de alta qualidade e durabilidade.
Pensando nisso, trouxemos neste artigo, em tópicos, os melhores aviamentos para lingerie.

Preparada para conferir? Então vamos lá.
1. Microfibra

A microfibra consiste em um tecido moderno e utilizado com grande frequência na confecção de sutiãs, calcinhas, cuecas, camisolas e até mesmo de pijamas.
Sua popularidade se dá uma vez que o tecido é demasiadamente fino – sendo a sua fibra até 100x mais fina do que um fio de cabelo. Ele pode ser encontrado em diversas gramaturas, liso, estampado, fosco, com brilho e por aí vai.

2. Renda

As rendas também são aviamentos clássicos na composição de lingeries. Elas podem ser encontradas em diversas larguras, padrões e acabamentos. Os cortes mais largos são os recomendados para calcinhas ”grandes” (como coleçons), camisolas ou em forros de bojos de sutiãs. Já os cortes finos e estreitos são os preferidos para acabamentos e detalhes.

3. Fitas elásticas

As fitas elásticas, compostas por fibras de poliéster, fibras de poliamida ou fios de algodão em combinação com elastano, são utilizadas na composição de elásticos aparentes, externos e internos (de embutir). Geralmente elas são utilizadas como garantia de firmeza e formato (quando escondidas) ou como acabamento (quando aparentes).

Agora você já conhece os melhores aviamentos para lingerie. Que tal adquirir os seus preferidos aqui na Oeste Aviamentos?

Você sabe organizar bem o seu estoque?

Aprenda a organizar bem o seu estoque!

Sabemos que organização de estoque é essencial, um estoque mal organizado pode gerar inúmeros problemas para a sua empresa, como atraso na entrega de encomendas, problemas na linha de produção e consequentemente prejuízos ao seu negócio.
Por isso a Oeste Aviamentos criou um e-book com inúmeras dicas para você deixar seu estoque bem organizado e eficiente, melhorando e muito a logística da sua empresa.
Clique no link abaixo para receber seu e-book e já começar a organizar o seu estoque!

Baixar E-book

Fitas de cetim ideias do que fazer

Fitas de cetim: ideias do que fazer!

Já percebeu como fitas de cetim são ótimas para artesanato? Elas são mega versáteis e sempre dão um ar delicado e criativo. Se você não acredita, veja só essas cinco ideias de como usá-las em peças variadas!

1. Acessórios

Acessórios de cabelo ficam lindos com fitas de cetim. Laços principalmente! Para fazê-lo, você precisa de três fitas. Uma para formar a base, outra para dar a volta e ser fixada, e uma terceira pequena para dar um nó central. Depois, você pode colar o laço em uma tiara ou presilha.

2. Cadernos

A capa de um caderno customizado com fitas de cetim fica em um padrão quadriculado lindo. Para tanto, você só precisa de fitas de duas cores, o suficiente para cobrir frente e verso do caderno. Então, cole todas no verso do caderno (uma cor por cima, outra pela lateral) e vá fazendo um trançado. Se quiser, pode completar com um lacinho!

3. Flores

Para fazer uma flor com fita, você vai precisar de agulha, alfinete, linha de costura e cola quente, dependendo do caso. Ela é feita a partir de dobras e uniões, e cada modelo tem seu próprio processo. Dá para usá-las em tudo, desde toalhinhas até almofadas!

4. Chinelos

Com cola quente, você pode dar voltas simples nas alças dos chinelos ou enfeitá-las também com laços, flores e pedrarias.

5. Bijuterias

Pulseiras e colares ficam lindos e confortáveis quando feitos com fitas de cetim. Você pode costurar ou colar pérolas e outras bijus e formar acessórios seguros e fáceis de amarrar.

Gostou das dicas? Então aproveite e confira na Oeste Aviamentos uma grande variedade de itens para costura, acessórios e equipamentos.

Ideias de artesanatos para fazer usando rendas

Ideias de artesanatos para fazer usando rendas

A renda é um dos aviamentos e tecidos mais procurados quando se refere a decoração, artesanato ou mesmo roupas. A renda tem um toque delicado, mas que pode se transformar em qualquer estilo e conceito, por este motivo ela é muito desejada. É muito raro encontrar alguém que não goste de renda! Clássica e ao mesmo tempo jovial; atemporal.
Neste artigo destacamos algumas ideias de artesanatos para fazer usando rendas como principal aviamento.

Dicas:

Porta-velas e copos recicláveis

Dá muito certo utilizar a renda para decorar um porta-velas, porta-joias, copos recicláveis, etc. Você só precisa comprar a renda como aviamento, e não a renda tecido. Aqui na Oeste Aviamentos você consegue encontrar com facilidade. Cola e tesoura também são instrumentos que você vai precisar. Depois é só colocar a mão na massa e fazer o desenho que você quiser!

Sapatos

Se você tiver aquele sapato velhinho, que não usa mais, mas que tem uma dó de doar, a renda pode te salvar. É muito comum, hoje em dia, utilizar a renda para customizar sapatos. Basta você ter cola e tesoura, depois é só customizar a renda no formato do seu sapato e ir colando nos locais que você deseja o aviamento. Fica lindo e bem moderno!

Roupas

A renda em roupas nunca sai de moda. Para quem sabe customizar e costurar é bem mais fácil fazer aplicações de renda na roupa, mas para quem não sabe: pegue aquela roupa surrada e velhinha que você deseja customizar e não tenha medo! A renda fica linda em detalhes, como na manga, colarinho, punho, em bolsos, etc. Solte a criatividade.

Gostou das nossas ideias de artesanatos para fazer usando rendas? Então confira as ofertas da Oeste Aviamentos e mão na massa!

renda guipir

Renda Guipir: o detalhe que faltava na sua peça!

Saiba mais sobre a renda guipir

Quem costura, seja para si mesmo ou para clientes, precisa ficar sempre atento nas novidades de tecidos e acabamentos que aparecem no mercado. E uma tendência que tem caído no gosto das mulheres é a renda guipir! Já ouviu falar nela? Aprenda aqui tudo sobre essa novidade e valorize ainda mais as suas peças!

O que é renda guipir e por que ela é diferente das outras?

A renda é um tecido nobre que deixa peças bonitas, femininas e cheias de estilo. Mas a renda guipir é ainda mais bela e tem feito a cabeça de fashionistas nas passarelas do mundo todo!

O principal diferencial da renda guipir é que se trata de um tecido mais estruturado e que fica em alto-relevo. Disponível em diversos desenhos e trançados, a mais comum apresenta flores e pode ser encontrada nas mais diversas cores.

Em quais peças a renda guipir combina mais?

A renda guipir pode ser utilizada em qualquer tipo de peça, tudo vai depender da sua criatividade. Fica um charme em peças inteiras como vestidos de verão, blusas, bermudas, saias, macacões e afins.

Também fica perfeito em acabamentos para deixar a peça ainda mais especial, como, por exemplo em barras de shorts e saias, aplicado em ombreiras, na cintura e até nos bolsos. O guipir também fica lindíssimo em acessórios como bolsas e sandálias.

É importante lembrar que o guipir é um tecido mais encorpado e o acabamento precisa ser perfeito para que a peça fique mesmo valorizada. Tome cuidado também com a mistura de texturas para não exagerar!

Gostou? Então vá na Oeste e veja as rendas guipir disponíveis na loja!

máquina de forrar botão

Porque ter uma máquina de forrar botão

Confira as vantagens de ter uma máquina de forrar botão

Visuais exclusivos e personalizados são apenas alguns dos benefícios oferecidos por uma máquina de forrar botão. O aparelho simples e de baixo investimento possibilita a produção de peças para uso pessoal e venda.
Com uma produção própria de botões, sua imaginação é o limite para a infinidade de produtos que podem ser confeccionados. Os botões personalizados podem ser comercializados como itens decorativos para casacos e bolsas, ou serem utilizados em peças próprias como centro de flores de tecido, detalhes em bonecas e outros itens de pano, ou até prendedores de cabelo.
A aquisição da máquina de forrar botão pode se tornar um investimento muito lucrativo, principalmente se combinado com criatividade na produção de belas peças.

Como funciona uma máquina de forrar botão

A máquina possui uma mecânica simples, sendo composta por uma matriz e uma alavanca que exerce pressão sob os botões.
Para confeccionar seus botões você precisa de uma matriz do tamanho desejado, a parte do botão a ser forrada, o fundo do botão e um retalho do tecido que será utilizado no forro.
Primeiro você deve escolher uma matriz adequada ao tamanho do botão a ser produzido (elas variam entre 10 e 40 mm). Em seguida você deve abrir a matriz, obtendo quatro peças. Na peça cilíndrica insira o fundo da matriz, seguido do retalho do tecido desejado para o forro.
Centralize o retalho de tecido sobre a matriz e insira a parte metálica do botão a ser forrado. Encaixe a peça em forma de ruela envolvendo o tecido e sobrepondo o botão. Em seguida coloque o fundo plástico do botão e feche com a tampa da matriz.
Agora é só pressionar a matriz utilizando a alavanca da máquina de forrar botão. Assim você consegue criar peças lindas e personalizadas para o que sua criatividade pedir!

Na Oeste você encontra a máquina de pregar e forrar botão perfeita para os seus projetos! Compre a sua aqui e bom trabalho!